As eleições para a Assembleia de Freguesia de Comenda, no concelho de Gavião, repetem-se domingo, após o tribunal validar um voto inicialmente nulo, originando um empate, disse hoje à agência Lusa o presidente da câmara.
“Na assembleia de apuramento geral, a juíza considerou válido um voto [a favor do PS] que tinha sido invalidado pela presidente da mesa”, disse o presidente da Câmara de Gavião, José Pio.
De acordo com o autarca, esta decisão provocou um empate entre as candidaturas da CDU e do PS, tendo as duas forças partidárias recolhido 195 votos cada.
Os resultados provisórios publicados pela Secretaria-Geral do Ministério da Administração Interna, na noite das eleições autárquicas de 26 de setembro, ditavam a vitória para a CDU com 195 votos (41,85%), mais um do que a lista do PS (41,63%), tendo o PSD recolhido 54 votos (11,59%).
Num universo de 651 eleitores inscritos, votaram 466 pessoas (71,58%), tendo ainda sido registados 11 votos em branco (2,36%) e 12 votos nulos (2,58%), de acordo com os mesmos resultados provisórios.
O presidente da Câmara de Gavião, reeleito pelo PS nestas eleições para um terceiro mandato, recordou ainda que, a 26 de setembro, a candidatura socialista “fez logo uma reclamação”, sobre a anulação desse voto por ter “um risquinho do tamanho de uma unha” ao fundo do boletim.
Na repetição do ato eleitoral para a Assembleia de Freguesia de Comenda, no domingo, mantêm-se em sufrágio as candidaturas da CDU, PS e PSD.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Universidade de Évora vai ‘ganhar’ mais 105 camas com apoio do PRR

Mais 105 camas de alojamento estudantil vão ‘nascer’ na Universidade de Évora (UÉ), para u…