Uma mulher de 91 anos é a primeira vítima mortal do surto de covid-19 que surgiu num lar de uma freguesia rural do Crato, no distrito de Portalegre, disse hoje à agência Lusa fonte do município.
“A utente faleceu no lar da Santa Casa da Misericórdia de Gáfete, na quarta-feira”, disse.
Em comunicado publicado na página da Santa Casa da Misericórdia de Gáfete na rede social Facebook, os órgãos sociais da instituição lamentam a morte da utente e indicam que estão infetados nesta altura 32 utentes e 10 funcionários, incluindo o provedor.
Fonte do município revelou ainda que dois dos 32 utentes infetados estão hospitalizados.
O lar da Santa Casa da Misericórdia de Gáfete tem capacidade para acolher 43 residentes e conta com 35 funcionários.
Portugal contabiliza pelo menos 5.815 mortos associados à covid-19 em 358.296 casos confirmados de infeção, segundo o último boletim da Direção-Geral da Saúde (DGS).

HYT // MLS

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por João Alves e Almeida
Carregar mais artigos em Covid-19

Veja também

Agente da PSP morre aos 61 anos de idade

Aurélio Alvenel da Silva Martins …