Disputou-se no passado sábado, dia 21, a 7ª jornada do Distrital de Futsal Sénior da Associação de Futebol de Portalegre (AFP). Jogo grande no Pavilhão Municipal entre dois candidatos à vitória final, separados apenas por um ponto.

Com o campeonato a entrar na sua fase decisiva, nenhuma das equipas podia perder, pois, com uma derrota, qualquer uma delas ficava definitivamente afastada de poder chegar ao primeiro lugar. Jogo intenso e de grande qualidade por parte de ambos os conjuntos, que proporcionaram um bom espectáculo a quem se deslocou ao Pavilhão Municipal para assistir ao encontro.

Marcou primeiro a SIR por intermédio de Sérgio Castanho, numa boa rotação à entrada da área a rematar colocado sem hipóteses para o guarda-redes do Arenense. Reagiu a equipa forasteira, que se instalou no meio-campo da SIR e criou algumas situações de golo que João Ferreira, em tarde de grande inspiração, ia defendendo com grande categoria. O empate iria mesmo surgir depois de uma boa jogada colectiva do Arenense. Até ao intervalo o resultado não sofreu alteração.

Na segunda parte o Arenense entrou praticamente a ganhar. Depois de um remate à entrada da área, João Ferreira a defender para a frente e um jogador adversário a encostar para o 1-2. A partir daí a SIR foi definitivamente em busca do único resultado que lhe interessava, que era a vitória, e fez uma das melhores exibições da época, com grande personalidade, pressionando a toda a largura do campo, criando situações de golo, mas o guarda-redes ou os postes iam evitando o empate. O Arenense só em transição chegava à baliza da SIR, mas sem resultados práticos. Num livre de dez metros após a sexta falta do Arenense Djordy desperdiçou, redimindo-se minutos depois ao fazer o empate com um bom remate à entrada da área. Com dois minutos para se jogarem acreditou a SIR que podia ainda vencer o jogo e mesmo no último segundo beneficiou de mais um livre de dez metros, mas Nuno Vinagre a não conseguir concretizar.

Empate mais penalizador para a SIR, que já não depende só de si para chegar ao primeiro lugar.

Arbitragem com alguns erros, mas sem influência no resultado.

Cinco inical da SIR: João Ferreira, Nuno Vinagre, Miguelito, Sérgio Castanho e José Nabeiro. Jogaram ainda Litos, Djordy, Filipe Santos, João Lombardo e Rafael Mendes.

Carlos Folgado

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Desporto

Veja também

Bombeiros ameaçam não transportar doentes com alta hospitalar

A Liga dos Bombeiros Portugueses vai pedir audiências ao Presidente da República e ao prim…