O que é Natal? Assim me pergunto
na dúvida de resposta confirmada.
Sinto a palavra no todo esvaziada,
não sei se paradoxo, enigma ou só assunto.

Procuro um olhar puro e não encontro
um coração sentido de amizade,
a paz que se deseja faz-se de guerra,
estão ausentes os homens de boa vontade.

E Jesus na gruta, despido e adorado
é enfeite de postal de ocasião,
incentivo à compra em qualquer supermercado.

Os dias tão iguais e sem razão,
todos desconhecendo-se lado a lado,
o desamparo que não encontra a tua mão.

Tocam os sinos, o galo canta.
Haja Natal, haja esperança
nos dias sombrios um sol se alevanta.

Sines, 15 de dezembro de 2022

José-António Chocolate

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Politécnico de Portalegre assina contrato de financiamento para investigar potencial da Dieta Mediterrânica

Projeto pioneiro é o único com apoio no âmbito da iniciativa “Alimentação Sustentável" que…