A UGT Portalegre, em representação da UGT Alentejo, terminou segunda-feira, 19 de Dezembro, a presidência do Conselho Sindical Inter-regional Alentejo/Extremadura, que mantinha desde final de 2017.

Esta responsabilidade, junto com os seus pares das Comissiones Obreras da Extremadura e CGTP-IN do Alentejo, transitou para a UGT Extremadura.

Após quatro anos Marco Oliveira terminou o mandato que fica agora nas mãos de Patrocínio Escobar.

“Com um relatório de actividades aprovado, por unanimidade, e aclamação na Assembleia-Geral, “ficaram os votos de muito sucesso para os nossos parceiros transfronteiriços, com a garantia do apoio e contínua proximidade da UGT do Alentejo”, frisou fonte da UGT Portalegre.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Movimento Cívico por Elvas responde ao PS

O Movimento Cívico por Elvas (MCPE) respondeu, em comunicado, à recente tomada de posição …