Um grupo de funcionárias do lar da Aldeia da Mata, no Crato, venceu o prémio do último sorteio do Milhão. Cada uma vai receber 80 mil euros.

As dez funcionárias do lar começaram as apostas em grupo há três anos, tendo vencido pequenos prémios. Na passada sexta-feira, no entanto, a sorte bateu-lhes à porta.

“Chorámos, pulámos, foi uma emoção. Só acredito mesmo quando vir o dinheiro a entrar na conta”, disse Helena Costa à SIC, uma das apostadoras vitoriosas, que vai receber, tal como as suas companheiras, 80 mil euros.

Ao prémio de um milhão de euros, tal como sempre acontece no caso de valores acima de cinco mil euros, o Estado português retirará, automaticamente, 20% do mesmo.

São 200 mil euros que vão parar aos cofres do Estado e que, para Violante Raposo, outra das funcionárias agraciadas, “poderiam ser bem entregues a uma instituição”, dando o próprio lar onde trabalha como exemplo.

Pagar a casa, carro e outras dívidas são as prioridades das funcionárias entrevistadas pela estação televisiva, que, ainda assim, não auguram deixar de exercer a sua profissão após vencer o ‘chorudo’ prémio.

Foto: SIC

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Politécnico de Portalegre assina contrato de financiamento para investigar potencial da Dieta Mediterrânica

Projeto pioneiro é o único com apoio no âmbito da iniciativa “Alimentação Sustentável" que…