O presidente da Comissão Politica Concelhia do Partido Socialista de Elvas, Bruno Mocinha, reagiu hoje à análise e aos resultados da autarquia no Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses.

Elvas figurou no 23.º lugar do ranking de “melhor índice de dívida total” entre os a totalidade dos municípios e foi 3.º nos concelhos de média dimensão no mesmo parâmetro de análise.

“Esta boa notícia seria suficiente para de uma vez por todas desmentir a vergonhosa campanha que Rondão Almeida tem feito, repetidamente, apregoando que a Câmara Municipal de Elvas estava falida. Comprova-se que, não só não possuía dívidas significativas como ainda, o executivo do PS, lhe deixou no cofre mais de 2,5 milhões de euros”, sublinha a Concelhia do PS.

Em comunicado, o partido destaca ainda outros indicadores que colocam “o município de Elvas e a gestão do PS em lugares honrosos”, no que respeita por exemplo ao “menor volume de pagamentos de amortizações de empréstimos” (32.º lugar entre os 308 municípios e 2.º nos municípios de média dimensão) e “menor volume de juros e outros encargos financeiros pagos em 2021” (28.º lugar entre os 308 municípios e 4.º nos municípios de média dimensão).

O PS de Elvas, liderado por Bruno Mocinha, prossegue na análise ao documento, dando ênfase “à independência financeira, apresentando-se Elvas em 1.º lugar dos municípios de média dimensão. Sendo um indicador relevante, significa, entre outras conclusões, que o município de Elvas foi bastante activo em encontrar receitas no exterior, para fazer face aos seus investimentos, aliviando assim, directamente, os bolsos dos elvenses”.

“Contrariamente ao que Rondão Almeida tem referido como motivação da sua gestão municipal, justificando consecutivamente as suas opções com questões financeiras, não existiu qualquer endividamento da Câmara Municipal ou desgoverno do executivo do Partido Socialista em mandatos anteriores. Como até aqui, os Elvenses contam com o Partido Socialista para construir e não para pactuar com a mentira e motivações pessoais, de todo contrárias aos interesses e ao bem-estar dos munícipes do concelho de Elvas”, finaliza a Comissão Política Concelhia do Partido Socialista de Elvas.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Elvas: Presépios de playmobil para ver na Casa da Cultura

A Casa da Cultura, em Elvas, vai acolher, a partir de 8 de Dezembro, a exposição “Presépio…