A Comissão Política Concelhia do CDS-PP de Elvas lamentou “profundamente” a morte do professor Adriano Moreira, ex-presidente do partido e “uma figura maior” da história contemporânea de Portugal.

“Ficará viva na memória de todos os portugueses não só a sua activa militância cívica, mas também o espírito de serviço à Nação nos diversos períodos da sua história, a relevância da sua obra intelectual nas áreas da ciência política e das relações internacionais e o brilhantismo académico que partilhou com inúmeras gerações de alunos”, salientou o partido numa nota de pesar.

Em comunicado, o CDS-PP de Elvas frisou que “Portugal e o CDS ficam hoje mais pobres com a perda de um homem superlativo, completo em tantas dimensões: um católico devoto, pai de família, português patriótico e verdadeiro centrista democrata-cristão, que nunca abandonou o partido até ao último dia da sua vida”.

“À família, aos amigos e ao CDS-PP endereçamos as nossas mais sentidas condolências, desejando que Nosso Senhor o receba na Sua eterna glória”, indicou a Comissão Política Concelhia de Elvas do CDS-PP.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Chuva intensa provocou 65 inundações nos distritos de Évora e Portalegre

A chuva intensa que caiu hoje no Alentejo provocou 65 inundações, até às 20:00, em vias pú…