O Comando Territorial de Évora, através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vitimas Especificas (NIAVE), no dia 6 de Outubro, deteve um homem de 59 anos, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Évora.

No decorrer de diligências de investigação por violência doméstica, foi possível apurar que o agressor agredia a sua cônjuge, uma mulher de 55 anos, física e psicologicamente, tendo sido dado cumprimento a um mandado de detenção que culminou na localização e detenção do suspeito.

O detido foi presente no dia 6 de outubro, ao Tribunal Judicial de Évora, onde lhe foram aplicadas as medidas de coação de proibição de contactar, por qualquer forma ou meio, com a vítima, bem como afastamento da mesma, não podendo aproximar-se a uma distância inferior a dois quilómetros, controlado através de meios eletrónicos à distância (pulseira eletrónica).

A violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva. Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica participe:

·         No Portal Queixa Eletrónica, em queixaselectronicas.mai.gov.pt;

·         Via telefónica, através do número de telefone: 112;

·         No Posto da GNR mais próximo à sua área de residência, tendo os nossos contactos sempre à mão em www.gnr.pt/contactos.aspx;

·         Na aplicação App MAI112 disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, em http://www.112.pt/Paginas/Home.aspx;

·         Na aplicação SMS Segurança, direcionada a pessoas surdas em www.gnr.pt/MVC_GNR/Home/SmsSeguranca.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Elvas: Imaculada Conceição com missa no Paiol

A celebração da solenidade litúrgica da Imaculada Conceição realiza-se quinta-feira, 8 de …