O Comando Distrital de Portalegre, através da sua Esquadra de Investigação Criminal, identificou  dois homens, com 19 anos de idade, um residente no concelho de Portalegre e outro no concelho de Nisa, como autores do furto do livro em mármore, peça que faz parte da escultura de homenagem a José Régio.

A subtração desta peça e o consequente dano na obra de arte, ocorreu na madrugada de 25 do corrente mês. Após as várias diligências realizadas, foi ainda possível recuperar o livro, embora com danos visíveis. A PSP continuará a investigação no sentido de identificar outros intervenientes do ato ilícito.

Os factos serão comunicados à Procuradoria da República junto do Juízo Local Criminal de Portalegre.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

António Brinquete apresentou livros em Badajoz

O Clube de Leitura de Português da Biblioteca Pública de Badajoz, coordenado por Carlos Be…