O presidente da Câmara de Marvão, Luís Vitorino, foi eleito presidente da recém-criada Associação de Municípios da Serra de São Mamede (AMSSM), projeto que tem como objetivo desenvolver aquele território.
O autarca foi eleito por unanimidade, no decorrer de uma reunião em Marvão, na terça-feira, tendo também nesse encontro tomado posse os órgãos sociais da AMSSM, que envolve, além de Marvão, os municípios de Portalegre, Castelo de Vide e Arronches.
Em declarações à agência Lusa, o presidente da AMSSM explicou que o objetivo do projeto, que está a ser preparado há dois anos, passa por “promover” a área protegida do Parque Natural da Serra de São Mamede (PNSSM) e o setor do turismo nos quatro municípios inseridos no espaço.
“Nós queremos ter uma estratégia conjunta de promoção turística, esta associação vai servir também para promover toda a preservação e conservação da natureza, vai servir ainda para contribuir para a defesa da floresta contra incêndios”, acrescentou.
Luís Vitorino, que pretende envolver no projeto outras entidades de interesse público, como o Instituto Politécnico de Portalegre ou a Academia de Música de Marvão, também apresentou como “meta” para o mandato o desafio de envolver na estratégia a população que reside na área protegida.
“Brevemente iremos apresentar um plano de atividades, iremos iniciar o processo de candidaturas a medidas [fundos comunitários] que estejam abertas e que se insiram neste âmbito, para que esta associação seja um sucesso, bem como a Serra de São Mamede”, disse.
O presidente da AMSSM garantiu ainda que vai ser “a voz” das populações e dos potenciais investidores que queiram apostar naquela área, junto do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), entidade que gere, em parceria com os quatro municípios [cogestão] o PNSSM.
As questões burocráticas são outro dos “grandes entraves” que a AMSSM quer combater, principalmente junto do ICNF, para que o PNSSM possa vir a ter no futuro maior desenvolvimento.
“O estigma de não se alcatroar caminhos, não se pavimentar caminhos, é um estigma que tem de ser ultrapassado, as pessoas têm de ter acessibilidades, pois faz falta que o campo esteja habitado”, defendeu.
No entanto, o autarca sublinhou que o ICNF tem hoje uma “nova postura” e que a mesma “vai mais” ao encontro das preocupações das populações que residem naquela área.
Os municípios de Portalegre, Arronches, Castelo de Vide e Marvão compõem também, juntamente com o ICNF, desde 2020, a Comissão de Cogestão do Parque Natural da Serra de São Mamede.
A aposta na gestão de proximidade, passando os municípios a intervir na valorização territorial do PNSSM, é um dos objetivos que levaram à criação deste primeiro modelo no Alto Alentejo.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Elvas: Concerto único de Carlos Araújo & Luís Ruvina com Rui Veloso

O Cine-Teatro Municipal de Elvas vai ser palco de um concerto único de Carlos Araújo & Luí…