A avaria numa estação de tratamento de águas de Póvoa e Meadas, que poderia ter causado perturbações no abastecimento em sete concelhos do distrito de Portalegre, está resolvida, disse hoje fonte da empresa Águas do Vale do Tejo.
Segundo disse a mesma fonte à agência Lusa, o problema na avaria ficou solucionado “por volta das 16:00”.
A empresa alertou na segunda-feira que existia uma avaria nos equipamentos de captação de água na Estação de Tratamento de Águas (ETA) de Póvoa e Meadas, no concelho de Castelo de Vide.
Segundo a empresa, na sequência dessa avaria podiam ocorrer perturbações no abastecimento nos concelhos de Gavião, Nisa, Crato, Alter do Chão, Fronteira, Ponte de Sor e Avis.
Em comunicado enviado à Lusa, a empresa explicava que a sua capacidade de produção estava “condicionada”.
“Não obstante a Águas do Vale do Tejo ter desenvolvido, de imediato, todos os esforços para a rápida resolução da avaria, esta não se encontra ainda regularizada, pelo que alertamos para eventuais perturbações no abastecimento aos municípios de Gavião, Nisa, Crato, Alter do Chão, Fronteira, Ponte de Sor e Avis”, podia ler-se no documento.

HYT // MCL
Lusa

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Campo Maior: Prémio Literário Hugo Santos entregue a Nuno Garcia Lopes

A Biblioteca Municipal João Dubraz recebeu, no dia 2 de Outubro, a cerimónia de entrega do…