A partir do dia 1 de setembro de 2022 o serviço de transportes rodoviários Alto Alentejo passam a ser operados pelos Transportes do Alto Alentejo (TAA), com um passe único de 30€, independentemente da distância, e um desconto de 50% para todas as distâncias até 12km.

Ao abrigo do Programa de Apoio à Redução Tarifária, a CIMAA garante ainda a gratuitidade dos títulos de viagem mensais para pessoas portadoras de deficiência com grau de incapacidade igual ou superior a 60%, bem como para os antigos combatentes.

Para lá das vantagens para os utilizadores, a Transportes do Alto Alentejo materializa também um esforço da CIMAA pela garantia de hipóteses de mobilidade sustentável que permitam cumprir com as metas ambientais estabelecidas por Portugal. Perante a imposição de se alcançar a neutralidade carbónica até 2050, é fundamental promover a utilização dos transportes públicos, bem como a sua descarbonização. A CIMAA, em conjunto com os seus municípios associados, cumpre com a sua parte neste processo.

A TAA será o novo operador, selecionado em concurso público, do Serviço Público de Transporte de Passageiros. A TAA assegurará aos passageiros do Alto Alentejo um total de 89 rotas, com recurso a cerca de 40 autocarros que, entre outras comodidades, incluem WiFi a bordo.

A TAA será o novo operador, selecionado em concurso público, do Serviço Público de Transporte de Passageiros. A TAA assegurará aos passageiros do Alto Alentejo um total de 89 rotas, com recurso a cerca de 40 autocarros que, entre outras comodidades, incluem WiFi a bordo.
A TAA será o novo operador, selecionado em concurso público, do Serviço Público de Transporte de Passageiros. A TAA assegurará aos passageiros do Alto Alentejo um total de 89 rotas, com recurso a cerca de 40 autocarros que, entre outras comodidades, incluem WiFi a bordo.

A mobilidade é um direito fundamental de qualquer cidadão e não deve ser, nunca, um entrave à fruição de uma vida normal. Este é, nesse sentido, o primeiro passo de um importante trabalho da CIMAA, em conjunto com os seus municípios, de melhorar a oferta e as condições dos serviços públicos rodoviários. Para que estes possam melhor servir as populações, incentivar à sua utilização e garantir um futuro mais verde e sustentável para a região.

Para usufruírem do novo serviço de transportes intermunicipal, recomenda-se que os utilizadores procedam à renovação do seu passe até ao dia 1 de setembro, com um custo de cerca de 5 euros, nos locais habituais.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Évora: Tenente-coronel Paulo Poiares comanda Comando Territorial da GNR

O tenente-coronel Paulo Poiares tomou posse dia 30 de Setembro como comandante do Comando …