A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), a GNR e a PSP lançam na terça-feira a campanha “Taxa Zero ao Volante” para alertar os condutores para os riscos da condução sob efeito do álcool, anunciaram esta segunda-feira as três entidades.

Numa nota de imprensa conjunta desta iniciativa, que vai decorrer entre os dias 5 e 11 Julho e integra o Plano Nacional de Fiscalização de 2022, as três instituições lembraram os dados sobre o impacto do álcool na condução, estimando que “um em cada três condutores mortos em acidentes de viação apresenta uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 0,5 g/l e três em cada quatro destes condutores apresentam uma taxa igual ou superior a 1,2 g/l”.

A ANSR, a PSP e a GNR salientaram a existência de diversos estudos científicos a apontar que o álcool produz perturbações em termos cognitivos, de processamento da informação, de capacidade de reacção e de coordenação motora.

“O álcool também diminui o campo visual, provocando a chamada visão em túnel. Esta perda de capacidades, bem como as alterações de comportamento que podem levar a estados de euforia e desinibição, aumentam de forma muito significativa o risco de envolvimento em acidentes rodoviários”, vincaram.

Segundo o comunicado, a campanha assenta em acções de sensibilização da ANSR no continente e na Madeira, além de operações de fiscalização da PSP e da GNR em estradas com grande circulação automóvel.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Elvas: Cheiro e fumo intenso devido a queimada de ramos de árvores

Elvas: Cheiro e fumo intenso devido a queimada de ramos de árvores …