O 400º aniversário do Aqueduto da Amoreira é o tema central da V Conferência Internacional de Elvas, que está a decorrer na Casa da História Judaica.

A iniciativa, promovida pela AIAR – Associação de Desenvolvimento pela Cultura, conta com a participação de um conjunto de estudiosos e investigadores, nacionais e internacionais, a fim de debater a questão da arquitectura da água e aferir dos variados interesses que estas infraestruturas detêm por via de diferentes edificações.

Paralelamente, foi inaugurada, ao final da tarde de quinta-feira, dia 23 de Junho, a exposição “Um Aqueduto entre Aquedutos”, com trabalhos da autoria de Pedro Inácio, a qual está patente na Cisterna da Praça.

Mais desenvolvimentos na edição impressa

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Nuno Barraco
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Raide Hípico de Santa Eulália homenageia cavaleiro Jaime Magarreiro

O Raide Hípico de Santa Eulália “Luís Tello Barradas”, prova organizada pela Associação Hu…