O primeiro dos quatro novos edifícios da fase de ampliação do Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia (PACT), em Évora, projetados pelo arquiteto Carrilho da Graça, vai ser inaugurado na próxima segunda-feira, revelou hoje a instituição.
Em comunicado, o PACT explicou que a inauguração do Centro Infante Dom Henrique está marcada para as 10:30 do dia 09, estando previstas as presenças da Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, e da comissária europeia para a Coesão e Reformas, Elisa Ferreira.
Este é o primeiro dos quatro novos edifícios que fazem parte do projeto de ampliação do PACT, com ‘assinatura’ do arquiteto Carrilho da Graça e que está a ser construído num terreno contíguo às atuais instalações, num investimento global de quase nove milhões de euros, com apoios comunitários.
“O Centro Infante Dom Henrique, que irá integrar um laboratório e espaços dedicados à investigação, tem como objetivo contribuir para melhorar a excelência científica do espaço de cooperação transfronteiriço (Andaluzia, Alentejo e Algarve)”, destacou a instituição.
O projeto de ampliação, com um total de mais 6.100 metros quadrados, no seu conjunto, vai permitir ao PACT “acolher cerca de 60 novas empresas”, ligadas principalmente às suas quatro áreas estratégicas: Aeronáutica, Economia Circular, Indústria 4.0 e Tecnologias da Saúde.
Em 24 de novembro do ano passado, o presidente executivo do Parque do Alentejo de Ciência e Tecnologia, Soumodip Sarkar, revelou à agência Lusa que as obras de construção do primeiro edifício da ampliação já estavam em curso.
Na altura, Soumodip Sarkar realçou que a primeira fase do parque já era “um sucesso”.
“Não há espaço para mais empresas” no edifício original e o parque continua “a receber pedidos” de outras que estão interessadas “em vir para o interior”, indicou.
Quanto aos outros três edifícios que fazem parte da expansão, o concurso público relativo à sua construção foi lançado no dia 03 de março deste ano, anunciou o PACT, na altura.
Líder do Sistema Regional de Transferência de Tecnologia (SRTT) no Alentejo, o PACT foi inaugurado em setembro de 2015, após um investimento de 3,6 milhões de euros.
Desde o início da sua atividade, incentiva a transferência de conhecimento e é um polo de atração para empresas inovadoras com elevado potencial para a criação de valor.
O SRTT envolve mais de 30 parceiros do Alentejo, como a Universidade de Évora, os politécnicos de Beja, Portalegre e Santarém, empresas e outras instituições da região.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

PJ detém homem e mulher suspeitos de falsificarem receitas médicas no Alentejo

Dois profissionais do sistema de saúde, um homem e uma mulher, foram detidos no Alentejo p…