Um homem morreu ontem após ter batido com a cabeça no chão na sequência de uma desavença com outro em Arraiolos, disse à agência Lusa fonte da GNR.
“No confronto físico, o agressor que tem entre 60 a 65 anos, empurrou a vítima, com idade entre 70 a 75 anos, que caiu e bateu com a cabeça no chão”, indicou a mesma fonte.
O óbito do homem foi declarado no local, tendo o corpo sido encaminhado para o serviço e Medicina Legal do hospital de Évora, adiantou a fonte da Guarda Nacional Republicana.
O agressor, de acordo com a mesma fonte, entregou-se depois no posto da GNR de Arraiolos.
Segundo a fonte da Guarda, a desavença ocorreu junto a um posto de abastecimento de combustíveis naquela vila alentejana.
A Polícia Judiciária (PJ) foi chamada ao local e está a investigar o caso, acrescentou a GNR.
Fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora indicou que o alerta para a ocorrência foi dado às 19:31, tendo sido mobilizados para o local 12 operacionais dos bombeiros de Arraiolos, Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), GNR e PJ.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

PJ detém homem e mulher suspeitos de falsificarem receitas médicas no Alentejo

Dois profissionais do sistema de saúde, um homem e uma mulher, foram detidos no Alentejo p…