A Santa Casa da Misericórdia de Portalegre (SCMP) manifestou-se hoje disponível para acolher “entre 20 a 30” refugiados da Ucrânia, mais precisamente mulheres e crianças, na sequência da ofensiva militar da Rússia naquele país.
“A SCMP tem condições, obviamente com sacrifício, mas a solidariedade também se faz desse sacrifício, para acolher 20 ou 30 mulheres e crianças nas suas instalações”, disse à agência Lusa a provedora da instituição, Luísa Moreira (na foto).
De acordo com a responsável, na SCMP é possível oferecer aos ucranianos, de imediato, “alojamento, alimentação, apoio e carinho”.
“Esta guerra, este ataque aos direitos humanos mais básicos, revolta qualquer pessoa e a SCMP, sendo uma instituição de caráter social e assumidamente católica, pode ajudar, recebendo pessoas”, sublinhou.
 Luísa Moreira alertou ainda que, nesta fase do conflito, “não poderão ser apenas” os países mais próximos, como a Polónia ou a Alemanha, a acolher refugiados.
“Nós sabemos que muitas crianças, muitas mulheres, sobretudo, estão a ter que abandonar a Ucrânia e, provavelmente, não poderão ser apenas a Polónia, a Alemanha e os países mais próximos a acolhê-los”, disse.
A Rússia lançou na quinta-feira de madrugada uma ofensiva militar na Ucrânia, com forças terrestres e bombardeamento de alvos em várias cidades, que já mataram cerca de 200 civis, incluindo crianças, segundo Kiev.
A ONU deu conta de perto de 370 mil deslocados para a Polónia, Hungria, Moldova e Roménia.
O Presidente russo, Vladimir Putin, disse que a “operação militar especial” na Ucrânia visa desmilitarizar o país vizinho e que era a única maneira de a Rússia se defender, precisando o Kremlin que a ofensiva durará o tempo necessário.
O ataque foi condenado pela generalidade da comunidade internacional e a União Europeia e os Estados Unidos, entre outros, responderam com o envio de armas e munições para a Ucrânia e o reforço de sanções para isolar ainda mais Moscovo.

Luísa Moreira, provedora da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Elvas: Autocarro ‘preso’ junto à Capela de Nossa Senhora da Nazaré

Um pesado de passageiros ficou hoje preso na entrada do estacionamento junto à Capela de N…