A associação elvense Movimento Animal recolheu sexta-feira, dia 11 de Fevereiro, uma cadela que apresentava sinais evidentes de ter sido maltratada.

“Orelhas e cauda amputadas, cheia de pulgas, magreza extrema, trazia um buraco em carne viva cheio de pus em que se via o osso da ponta da coluna que liga ao osso da cauda, este osso estava necrosado, o que devia, pela aparência, andar assim há já algum tempo”, descreveu a associação na sua página de Facebook.

Ainda de acordo com a Movimento Animal, a cadela Jessica, “pela amputação a que foi submetida, possivelmente fosse usada em lutas de cães”.

Depois de submetida a uma cirurgia, chegou-se também à conclusão que “Jessica foi baleada”, tendo-lhe sido “retirados 24 chumbos”.

“Enquanto uns se divertem a maltratar, outros choram para tentar salvar”, desabafou a associação.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Nuno Barraco
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Elvas: Tradição da Azevia retomada

A Sociedade Recreativa 1º de Dezembro, a popular Azevia, completou 112 anos de existência.…