O hospital de Évora inicia este mês um Programa de Saúde Mental Perinatal, que visa estruturar uma intervenção com a mulher no período perinatal e a sua rede de suporte, para a promoção de uma parentalidade saudável.
Segundo o Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE), trata-se de um programa de intervenção multidisciplinar centrado no período perinatal, que vai desde o momento da conceção até um ano após o parto.
“As problemáticas de saúde mental neste período constituem actualmente a principal complicação obstétrica não diagnosticada, sendo o período perinatal a fase do ciclo de vida das mulheres em que existe maior risco para o desenvolvimento de doença mental”, realçou Teresa Reis, responsável pelo programa.
O projecto é realizado em conjunto entre o Departamento de Psiquiatria e Saúde Mental, o Departamento da Mulher e da Criança e o Serviço de Ginecologia e Obstetrícia do HESE.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Temperaturas acima dos 35 graus e aumento do risco de incêndio sexta e sábado

As temperaturas máximas vão ultrapassar os 35 graus Celsius em algumas regiões do continen…