A Comunidade Intermunicipal do Alto Alentejo (CIMAA) vai pedir a extensão da duração do programa PROVERE “InMOTION: Alentejo, Turismo e Sustentabilidade” até ao final do ano 2022, que gerou 68 novos postos de trabalho e apoiou 22 empresas, num total de 9.044.321 euros em investimento, dos quais 7.905.796 foram de capitais privados e só 1.138.524,81 públicos.
Estes indicadores são do 2º ciclo de execução do programa, que decorreu de Novembro de 2018 a Outubro de 2020.
Na nova reprogramação (2021/2022) está proposta a entrada de cinco novos projectos, um projecto âncora e quatro complementares, num total de 1.721.588,49 euros de investimento provado, e a criação de seis novos postos de trabalho.
A possibilidade de extensão só é possível depois da Equipa de Gestão do programa ter concluído que é “essencial a continuidade e reforço do papel desta EEC PROVERE InMOTION no território do Alto Alentejo”, no seguimento do pleno cumprimento de todos os indicadores, e a avaliação da gestão e execução do desempenho da CIMAA ter tido a classificação final de nível “Bom”.
Enquadrado no âmbito da Estratégia de Eficiência Colectiva (EEC), o PROVERE InMOTION tem como objectivos a valorização dos recursos do território, combinando o desenvolvimento sustentável dos recursos naturais e culturais da região, com o estímulo a iniciativas empresariais, fileiras de negócio e cadeias de valor.
A EEC abrange áreas económicas diversificadas como a conservação e gestão ambiental, investigação, concepção/estruturação de produtos turísticos, dinamização empresarial, capacitação e acolhimento de turistas e visitantes, marketing e promoção, a que estão associadas actividades de internacionalização e cooperação na área da investigação, numa lógica de eixos de intervenção onde as parcerias e as sinergias entre os diferentes projectos a concretizar podem contribuir de forma significativa para diversificar a cadeia de valor existente nestes territórios.
Desde 2013 que a CIMAA tem a liderança do PROVERE InMOTION, com responsabilidades ao nível da dinamização, acompanhamento, monitorização e gestão de parcerias.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Nuno Barraco
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Auditoria ao cumprimento do contrato da água vai a reunião de Câmara

A Câmara Municipal de Elvas tem uma sessão ordinária marcada para 27 de Outubro, quarta-fe…