João Aranha, colaborador do jornal Linhas de Elvas para a área taurina, morreu quarta-feira aos 98 anos.
Foi militar em Elvas e um colaborador da edição impressa, sobretudo na década de 90, altura em que foi responsável pela área de tauromaquia no semanário.
“João Aranha, foi militar em Elvas, e daqui, como oficial, partiu para a Índia, em 1957 num luminoso dia de Abril integrando um esquadrão comandado, pelo capitão de cavalaria, José David Baena Nunes da Silva, o ‘Pepe’, como por todos os amigos era identificado, que o mesmo é dizer por todos os elvenses do seu tempo”, publicou Maria José Rijo no Linhas de 30 de Outubro de 2008.
João Aranha foi também o primeiro presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, organismo que lhe irá prestar homenagem com um minuto de silêncio nos jogos da quinta jornada da I e II ligas.
João Aranha, que desempenhou as funções de jornalista e cronista, liderou também a Associação de Futebol de Lisboa e foi presidente da CUF e vice-presidente do Sporting, clube em que chefiou o departamento de futebol.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Monforte: Ciclo de conferências sobre “Património e Cidadania”

O Município de Monforte, através do seu Serviço de História, em colaboração com o Serviço …