Um homem, de 31 anos, foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeitas de ter provocado um incêndio numa casa na mesma rua onde reside, em Vila Viçosa.
A PJ, na sua página na internet, indicou que a Unidade Local de Investigação Criminal de Évora “identificou e deteve, fora de flagrante delito”, o presumível autor de “um incêndio urbano na localidade de Vila Viçosa”.
Segundo a Polícia Judiciária, no dia 18 de Agosto, pelas 21 horas, o suspeito “provocou um incêndio numa habitação de um seu conhecido, residente na mesma rua”.
Se o fogo não tivesse sido “rapidamente detectado e combatido”, poderia ter “atingido todo o imóvel e ainda outras habitações contíguas”.
“O suspeito terá ateado o fogo por motivos fúteis e num quadro de retaliação contra o proprietário da habitação ardida”, afirmou a PJ.
O suspeito vai ser presente a tribunal para primeiro interrogatório judicial e aplicação de eventuais medidas de coação.

TCA // RRL
Lusa

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Circulação retomada no IP2 perto de Alpalhão após acidente com cinco veículos

A circulação no Itinerário Principal 2 (IP2), perto de Alpalhão, no concelho de Nisa, já f…