Um total de 3.720.680 pessoas tem a vacinação completa contra a covid-19 em Portugal, o equivalente a 36% da população residente, revela o relatório semanal da vacinação hoje divulgado pela Direção-Geral da Saúde.
Segundo o relatório, que reporta dados até domingo, o número de pessoas com pelo menos a vacinação iniciada ascende a 5.740.878 (56%).
Ao todo, Portugal recebeu 10.994.160 doses e distribuiu 9.207.759 (nestes últimos números não estão incluídas as distribuições feitas nas regiões autónomas da Madeira e dos Açores).
Com o ciclo de doses completas surgem, à cabeça, as pessoas com 80 ou mais anos (94%, 639.895 utentes), seguindo-se as das faixas etárias dos 65-79 anos (75%, 1.225.131) e dos 50-64 anos (59%, 1.281.540).
Entre as pessoas dos 25 aos 49 anos, 16% (534.840) têm a vacinação completa e 45% (1.501.693) têm pelo menos uma dose administrada.
Na faixa etária dos 18-24 anos, 5% (37.915 adolescentes) têm o esquema de vacinação concluído e 6% (50.274) possuem pelo menos uma dose.
O Alentejo é a região do país com o processo de vacinação mais avançado, com 43% das pessoas com vacinação completa e 60% com vacinação iniciada.
Em contrapartida, Algarve e Lisboa e Vale do Tejo são as regiões mais atrasadas, com 33% da população residente com o ciclo de vacinação concluído e 55% com pelo menos uma dose.
Portugal iniciou a vacinação contra a covid-19 em 27 de dezembro de 2020.
Desde o início da pandemia, em março de 2020, morreram no país 17.118 pessoas e foram registados 892.741 casos de infeção, de acordo com o mais recente boletim da Direção-Geral da Saúde
A covid-19 é uma doença respiratória causada pelo novo coronavírus SARS-CoV-2, detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China, e que se disseminou rapidamente pelo mundo.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Covid-19

Veja também

Homem detido no Alentejo por permanência ilegal em território nacional

Um homem, de 22 anos, foi detido pela GNR, no concelho de Beja, por permanência ilegal em …