Os alunos do 5.º e 6.º anos de escolaridade do Agrupamento de Escolas de Campo Maior elaboraram uma instalação artística no âmbito do programa nacional de Promoção do Sucesso Escolar.

A iniciativa intitulada “O que resta é arte” foi o mote para a criatividade dos estudantes que utilizaram “materiais fora de uso e passíveis de causar poluição ambiental”.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Portalegre: Novos órgãos sociais da Misericórdia tomam posse

Os novos órgãos sociais da Santa Casa da Misericórdia de Portalegre, eleitos no dia 6 de S…