No passado dia 29 de Junho, em Abrantes, em cerimónia presidida pelas ministras da Cultura, Graça Fonseca e da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, o presidente da Câmara Municipal de Alandroal, João Grilo, assinou os autos de transferência de competências de gestão, valorização e conservação dos Castelos do Alandroal e Terena para a autarquia.
Este ato, enquadrado no processo de transferência de competências para os municípios na área da Cultura, permite ao município juntar os castelos de Alandroal e Terena à fortaleza de Juromenha e, seguindo o modelo de valorização em curso nesta última, procurar caminhos de intervenção com o recurso a fundos comunitários.
O autarca, que não esconde a preocupação com questões de segurança difíceis de resolver no curto prazo, espera, com esta transferência, acelerar os processos de recuperação e valorização dos mesmos e tem já em curso projetos técnicos para ambos.
Assim, no interior do castelo do Alandroal está prestes a avançar a obra de valorização de um imóvel e jardins adquiridos pela autarquia para instalar um núcleo museológico, assim como um projeto de luminotecnia de todo o castelo.
Para Terena, o município conta apresentar em breve o estudo prévio de plano de intervenção, em desenvolvimento por uma equipa liderada pelo Arquiteto Manuel Aires Mateus, que procura refletir sobre as intervenções de valorização dos elementos históricos e arquitetónicos da vila de Terena, a criação de um museu e com um olhar especial sobre o castelo e a melhoria das condições de segurança e da experiência de visitação.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Santa Eulália: Festival Idade de Ouro arrancou no Dia Internacional do Idoso

Centenas de pessoas marcaram presença no primeiro de oito almoços englobados no Festival d…