A Feira de São João, em Badajoz, vai realizar-se de 18 a 26 de Junho com 60 pontos de divertimento, 20 pontos de comes e bebes, além de espectáculos circenses e de música.

A pandemia da Covid-19 impõe restrições na lotação máxima no interior do recinto da feira, estando limitada a uma capacidade de 3.000 pessoas, existindo controlo no acesso, duas entradas e saídas e apenas um sentido pedonal.

No certame o consumo de comida é permitido apenas em lugares sentados. Haverá atracções, tais como o “Circus Las Vegas” ou os concertos do festival “Badajoz Suena”, com Antonio Orozco como cabeça-de-cartaz, onde figuram ainda nomes como La Oreja de Van Gogh, Ella Baila Sola, Marta Sánchez e Francisco Cespedes.

Os bares da cidade de Badajoz, no período da feira, podem ampliar a lotação das esplanadas em mais 20 por cento, desde que seja respeitado o distanciamento entre mesas e pessoas. Os estabelecimentos estão impedidos de colocar balcões ou música no exterior.

A Feira de São João terá ainda fogo de artifício nas noites de 23 e 24 de Junho, o qual será lançado a partir da Puerta de Palmas para permitir uma boa visibilidade a partir de vários pontos da cidade, evitando assim aglomerações. O recinto da feira encerra à 1 hora da madrugada, restando uma hora extra para esvaziar o espaço.

As autoridades policiais vão ainda implementar fortes medidas para impedir a realização dos ‘botellón’, uma iniciativa que está proibida desde o início da pandemia em Março de 2020.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Covid-19: Campo Maior e Elvas sem novos casos nas últimas 24 horas

Os concelhos de Campo Maior e Elvas, no distrito de Portalegre, não apresentam quaisquer n…