A região da Extremadura, em Espanha, entra amanhã numa nova fase da pandemia da Covid-19 com o alívio das restrições, sendo uma das principais novidades a ampliação do horário do recolher obrigatório e o aumento do número máximo de pessoas nos estabelecimentos.

A partir de sexta-feira, 5 de Março, os extremenhos podem permanecer na rua até às 23 horas, um recolher obrigatório que foi ampliado uma vez que anteriormente esta imposição vigorava até às 22 horas.

O sector do comércio e da hotelaria vê com bons olhos uma outra das medidas que passa pela ampliação da capacidade máxima de pessoas dentro os espaços comerciais. Além disso, também na rua, os ajuntamentos são agora permitidos até seis pessoas. O anterior limite era de apenas quatro.

O pequeno comércio passa de 30 para 40% no que respeita à capacidade máxima para receber clientes. Na restauração, por exemplo, as esplanadas alargam o limite de 50% para 75%. No entanto, mantém-se a proibição de consumir ao balcão e no interior dos espaços hoteleiros o limite fixa-se nos 40% da capacidade máxima de lotação.

Os turismos rurais e alojamentos similares podem agora receber até 10 pessoas. Os casamentos e baptizados têm um limite máximo de 150 convidados (ao ar livre) ou até um máximo de 100 pessoas (em espaço fechado).

Os pavilhões desportivos podem contar com apenas 30% de espectadores tendo em conta a capacidade máxima do recinto, enquanto os estádios de futebol podem receber metade dos adeptos face à lotação máxima disponível.

Nos locais de culto a lotação sobe até um máximo de 50% e as cerimónias fúnebres podem acolher 25 pessoas.

A região da Extremadura encontra-se no primeiro nível de alerta, classificado por “baixo risco” de contágio por Covid-19 depois de alcançar uma incidência acumulada de 50 casos por cada 100 mil habitantes nos últimos 14 dias.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Covid-19

Veja também

Covid-19: Elvas sem alterações no boletim epidemiológico nas últimas 24 horas

O concelho de Elvas não registou, nas últimas 24 horas, novos casos de pessoas infectadas …