O Movimento Cívico por Elvas reuniu, ontem, por videoconferência, para decidir a composição de diferentes equipas de trabalho na antevisão das próximas eleições autárquicas.

Em comunicado, o movimento político revela que integram a equipa de estudos e planeamento os nomes de Anabela Cartas, Ana Canito, Carlos Martins, Hermenegildo Rodrigues, Hugo Amante, Júlia Brinquete e Marco Matroca.

A equipa de informação fazem parte Anabela Cartas, Ana Canito, António Martos, Bruno Reis e outros elementos a designar. No plano financeiro e administrativo integram a equipa José Manuel Ferreira, Maria José Ferreira e Nelson Cardoso. Por definir está ainda a composição da formação da área de logística.

Nesta reunião, os membros do conselho deliberativo congratularam-se pela “forte adesão de aderentes ao Movimento, mais de 300, só no último mês”, numa acção que permitiu ainda “o levantamento das linhas programáticas a constar no programa eleitoral e a calendarização da apresentação das listas de candidatos às próximas eleições autárquicas”.

O Movimento Cívico por Elvas assegurou ainda que apesar de não haver garantias, devido à actual legislação autárquica, “vai tentar concorrer a todas as Juntas de Freguesia, se a legislação não o inviabilizar”.

O grupo político refere ainda, em comunicado, que na reunião “expôs-se o total repúdio às alterações legislativas realizadas pelo PS e PSD durante o mês de Agosto último e lamentámos que o PS local não fosse capaz de aprovar nenhuma das propostas apresentadas pelos elementos do Movimento, em reunião de Câmara, e que só após a apresentação das mesmas tenha feito as suas propostas”.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Covid-19: Elvas sem alterações no boletim epidemiológico nas últimas 24 horas

O concelho de Elvas não registou, nas últimas 24 horas, novos casos de pessoas infectadas …