Uma petição criada na internet, dirigida ao presidente da Câmara de Monforte, visando a alteração do nome do Largo José Carlos Malato reuniu até hoje mais de quatro mil assinaturas.

Na origem das subscrições está a frase “O Alentejo é uma vergonha. Gente sem memória! Sou lisboeta, a partir de hoje”. O desabafo do apresentador José Carlos Malato foi publicado na sua conta de Instagram no dia de 25 Janeiro, um dia depois das eleições presidenciais em que André Ventura foi o segundo candidato mais votado em vários concelhos do Alentejo, incluindo Monforte, um facto que não agradou ao monfortense.

“No seguimento das declarações do cidadão José Carlos Malato, serve esta petição para pedir a alteração do Largo que contém o seu nome, em Monforte. Como alternativa, ficam aqui as ideias “Praça dos Monfortenses” ou voltando ao antigo “Largo da Biblioteca”. Aceitam-se, obviamente, outras opções”, pode ler-se no documento online que até ao final da tarde de domingo contabilizava 4.317 assinaturas.

O Largo José Carlos Malato foi assim designado em 2005 como forma de homenagear o trajecto do apresentador televisivo que é natural desta localidade alentejana.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Pedro Trindade Sena
Carregar mais artigos em Destaque Principal

Veja também

Elvas: Inauguração de novo museu sofre terceira alteração de data

A inauguração do Museu de Arqueologia e Etnografia "António Tomás Pires", em Elvas, foi re…