A dupla Nuno Matos/Joel Lutas concluiu este domingo a participação na Baja TT do Pinhal, num fim-de-semana muito importante para a modalidade, ao pôr termo a uma interrupção de seis meses do Campeonato Portugal de Todo-o-Terreno.
Partindo para a etapa desta manhã do 10.º posto da geral, após o dia de ontem sob condições adversas e de readaptação ao FIAT Fullback Proto, a equipa arrancou apostada em melhorar ao longo dos 160.06 quilómetros do SS 2. Um objectivo cumprido: “Terminámos em 7.º da geral, 6.º em termos dos concorrentes que alinham no campeonato. É um resultado que nos deixa agradados, tendo em conta o tempo perdido ontem”.
Mas mais que o resultado, o piloto enaltece a prestação na tirada deste domingo: “Estou muito mais satisfeito com a nossa performance hoje. Ainda temos margem de progressão, mas estivemos bem mais perto do patamar onde sei que nos podemos posicionar. Já há bastante tempo que não conduzíamos o FIAT Fullback Proto, que se apresentou sem problemas, o que também foi bastante importante”, realçou, acrescentando: “O nível está muito elevado, por isso, para podermos ir mais além, temos que estar a cem por cento e, para isso, é necessário ganharmos um ritmo que só as próximas semanas nos irão garantir”.
Com mais três provas até ao final da época em menos de dois meses, esta foi também uma participação que exigiu cuidado redobrado: “Era importante fazer um resultado consistente nesta Baja, mas não descurar que já no próximo fim-de-semana temos outra. São situações que nos obrigam a uma gestão da mecânica, para não comprometermos a presença num evento tão próximo”.
O piloto deixa também uma palavra ao público presente: “Não me recordo de ver tantos adeptos na estrada em outra edição da prova, mas sempre respeitando as normas de segurança. É um sinal muito positivo para a modalidade, da qual já estávamos todos com muitas saudades. Foi fantástico sentir o carinho de todos, muito obrigado pelo apoio”.
A equipa segue agora para a Baja TT Capital dos Vinhos de Portugal, disputada já nos próximos dias 26 e 27 de Setembro. “Vemo-nos lá”, finalizou Nuno Matos.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Nuno Barraco
Carregar mais artigos em Desporto

Veja também

Covid-19: Extremadura bate recorde diário de novos infectados

A Extremadura registou, nas últimas 24 horas, 425 novos casos de pessoas infectadas com Co…