A Distrital de Portalegre da Juventude Popular (JP) dedicou o passado fim-de-semana à Tauromaquia e ao Mundo Rural.Num espaço online semanal chamado “Conversas Informais”, criado como resposta ao isolamento imposto pela Covid-19, a JP tem dado voz a várias personalidades, maioritariamente ligadas à região.No passado sábado, Francisco de Carvalho recebeu Paulo Pessoa de Carvalho, presidente da Associação Portuguesa de Empresários Tauromáquicos, para discutir o impacto da Covid-19 na Tauromaquia, as constantes discriminações de que esta actividade cultural é alvo e o futuro da mesma.O presidente da JP, Francisco Mota, foi o convidado de domingo, dedicado ao Mundo Rural, e, com António Alves e Almeida, abordou as dificuldades vividas por quem está afastado dos grandes centros urbanos, sugeriu formas de combater a discriminação geográfica e sublinhou a necessidade de continuar a acreditar num País com menos diferenças entre litoral e interior.“A Juventude Popular estará sempre ao lado das tradições portuguesas, caminhando de braço dado com o espectáculo tauromáquico e todos os seus intervenientes, afirmando-se defensora da identidade, cultura e das tradições seculares portuguesas”, refere a JP.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Política

Veja também

Eleições na Federação Portuguesa de Atletismo reeditam ‘duelo’ de 2016

Eleições na Federação Portuguesa de Atletismo reeditam 'duelo' de 2016 …