O Grupo de Forcados Amadores Académicos de Elvas (GFAAE), juntamente com uma empresa de comércio de peixe, sediada em Lisboa e Barbacena, ofereceu mais de uma tonelada de peixe a instituições de solidariedade social, para ajudar a amenizar as consequências da covid-19.
Samuel Silva, sócio-gerente da Silva Fish e elemento do GFAAE, explica que o peixe nacional, onde se inclui carapau, faneca ou pescada, foi adquirido ontem na lota da Nazaré e, desde as primeiras horas do dia de hoje, que está a ser entregue às instituições do concelho que ficam com a missão de fazer chegar esta ajuda às famílias carenciadas.
A iniciativa contou com o envolvimento do Movimento Teresiano Apostólico (MTA) de Elvas.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Região

Veja também

Portugal volta a bater recorde diário de casos com 3.669 novos infectados. Alentejo tem mais 96 e dois mortos

Portugal regista hoje 3.669 novos casos de infecção com o novo coronavírus, o valor diário…