O Município de Campo Maior, em parceria com o Instituto Superior de Estatística e Gestão de Informação, a Nova Information Management School, da Universidade Nova de Lisboa, e o Instituto Politécnico de Portalegre, viu recentemente aprovado, pela Comissão Directiva do Programa Operacional do Alentejo 2020, a Criação do Centro de Inteligência Competitiva (CIC).O CIC é um projecto de I&I (Investigação e Inovação) à escala do Alentejo, centrado na valorização do conhecimento, pelos dados e a sua transferência para a actividade económica e empresarial dos sectores e fileiras dos recursos endógenos, com vista ao desenvolvimento tecnológico das empresas, à sua internacionalização e à promoção da competitividade nos mercados nacionais e internacionais.Pretende-se, através da análise e gestão de informação e da ciência dos dados, de forma analítica, criar uma vantagem competitiva, transferindo este conhecimento para as empresas, processando-se no desenvolvimento tecnológico dos seus produtos e serviços, adaptando-os a novos padrões de procura e tendências de mercado, seja por exemplo uma nova embalagem, uma utilização diferenciadora do produto ou até uma nova solução de armazenagem.Este centro irá ser instalado na Antiga Escola da Cooperativa, o que pressupõe uma intervenção de requalificação do edifício, por empreitada de obras públicas. Estes trabalhos vão incidir na reformulação da compartimentação interior com a requalificação de pavimentos, revestimentos, instalações sanitárias, redes eléctricas e de comunicações, abastecimento de águas, redes de águas pluviais, alteração de coberturas e requalificação do espaço exterior.Trata-se de uma intervenção que vai dotar este edifício de um elevado desempenho ao nível da eficiência energética, pelo que a climatização, iluminação e sistema solar fotovoltaico incluem também esta componente. Está ainda prevista a aquisição de mobiliário, equipamento informático e de tecnologias de investigação.Este é um projecto cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Alentejo – Alentejo 2020, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), representa um investimento total de 991.954,56 euros, financiado a 85%, com o Município a assegurar o valor da contrapartida nacional no valor de 148.793,18 euros.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Região

Veja também

Moedas de um e dois cêntimos com fim à vista? Comissão Europeia avalia

A Comissão Europeia lançou uma consulta pública para avaliar o impacto sobre a utilização …