O Governo decidiu prorrogar o período crítico de incêndios até ao próximo dia 10 de Outubro.
O Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural dá conta que o despacho do Secretário de Estado das Florestas e do Desenvolvimento Rural, publicado hoje em Diário da República, “assinala a previsão da manutenção do risco de incêndio rural em níveis elevados”. 
Esta decisão tem por base “as circunstâncias meteorológicas prováveis para os primeiros dez dias do mês de Outubro, de temperaturas com valores acima do que é o padrão para a época”. Às temperaturas altas acresce ainda “uma baixa probabilidade de ocorrência de precipitação com uma previsão do nível de precipitação abaixo da média, com tendência para tempo seco e quente em todo o território nacional”. 
Dados disponíveis na página da Internet do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) indicam que este ano, até 27 de Setembro, deflagraram 10.289 incêndios rurais, que atingiram 41.006 hectares, 51% de povoamentos florestais, 38% de matos e 11% de agricultura.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Região

Veja também

Nova empresa luso-brasileira lançada em Évora para “revolucionar” agrofloresta

O CEiiA - Centro de Engenharia e Desenvolvimento de Produto e a brasileira ELIO “uniram-se…