Uma papelaria do centro histórico de Elvas foi assaltada na madrugada de segunda-feira, dia 22 de Junho, quando o estabelecimento se encontrava fechado.

Ao “Linhas” João Cruz, proprietário do estabelecimento, referiu que o furto permitiu aos larápios levar consigo “isqueiros e relógios que se encontravam num expositor da papelaria, mas também uma quantia de dinheiro da máquina registadora entre os 70 a 80 euros”.

Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais artigos por Redacção
Carregar mais artigos em Actual

Veja também

Estremoz: Exposição “Histórias do Campo e outros lugares” inaugurada no museu municipal

A exposição intitulada “Histórias do Campo e outros lugares” com trabalhos em escultura, d…